Envios GRÁTIS em encomendas superiores a 75€
Envios GRÁTIS em encomendas superiores a 75€

Dicas: como usar bengala, muletas ou andarilho

Se partir um osso na perna ou no pé, se tiver um procedimento no joelho ou nas pernas ou se sofrer um AVC, o seu médico pode recomendar a utilização de um auxiliar de marcha enquanto estiver no processo de cura ou a recuperar. Com o passar dos anos, também é normal que as pessoas fiquem com a mobilidade mais reduzida. Além disso, algumas doenças próprias da idade fazem com que as pessoas mais idosas tenham maior propensão a sofrer quedas.

A utilização de muletas, uma bengala ou um andarilho pode ajudar a manter o peso fora da perna lesionada ou fraca; ajudar a manter o equilíbrio; permitir-lhe realizar as suas atividades diárias com mais segurança; diminuir a carga nas articulações dos membros inferiores, reduzindo as dores e, além disso, pode também oferecer mais liberdade e independência na realização das atividades do dia a dia.

idosa ajudada familia com canadiana

Quando estiver a aprender a utilizar o seu apoio pela primeira vez para caminhar, poderá desejar ter um familiar ou amigo próximo para o ajudar a estabilizar e dar-lhe apoio. No início, tudo o que faz pode parecer mais difícil.

Com apenas algumas dicas e um pouco de prática, a maioria das pessoas é capaz de ganhar rapidamente confiança e aprender a utilizar um apoio para caminhar em segurança.

Torne a sua casa mais segura

Fazer algumas modificações simples de segurança em sua casa pode ajudar a evitar deslizamentos e quedas ao usar o seu apoio para caminhar, tais como:

  • Remover tapetes, cabos elétricos ou até bocados de comida que possam porventura cair ao chão após uma refeição, entre outras coisas que possam causar uma queda.
  • Organizar o mobiliário de modo a ter um caminho livre entre as diversas divisões da casa.
  • Mantenha as escadas livres de embalagens, caixas ou desarrumações.
  • Caminhe apenas em divisões da casa que estejam bem iluminadas e instale uma luz noturna ao longo do caminho entre o seu quarto e a casa de banho.
  • Na casa de banho, use tapetes de banho antiderrapantes, barras de agarrar, um assento de sanita elevado e um assento de banheira de duche.
  • Simplifique a sua casa de modo a manter os artigos de que realmente necessita ao seu alcance e tudo o resto não necessário fora do caminho.
  • Carregue as coisas com as mãos livres, usando uma mochila, uma bolsa ou até mesmo um avental com bolsos.
  • Muletas

Se a sua lesão ou cirurgia lhe exigir que se desloque sem colocar qualquer peso na perna ou pé, poderá ter de usar muletas.

Posicionamento adequado

  • Ao levantar-se direito, o topo das suas muletas deve estar cerca de 3 a 5 centímetros abaixo das suas axilas.
  • As pegas das muletas devem estar alinhadas com a parte superior da linha da anca.
  • Os cotovelos devem estar ligeiramente dobrados quando se segura as pegas das muletas.
  • Para evitar danos nos nervos e vasos sanguíneos da axila, o seu peso deve repousar nas mãos e não nos suportes das axilas.

Ao andar

Incline-se ligeiramente para a frente e coloque as suas muletas cerca de um pé à sua frente. Comece o seu passo como se fosse utilizar o pé ou a perna lesionada, mas, em vez disso, desloque o seu peso para as muletas. Traga o seu corpo para a frente lentamente entre as muletas. Termine o passo normalmente com a sua perna boa. Quando a sua perna boa estiver no chão, mova as muletas para a frente em preparação para o seu próximo passo. Olhe sempre para a frente e não para baixo onde estão os seus pés.

Ao sentar

Para se sentar, escolha uma cadeira que seja segura, isto é, uma cadeira que seja resistente, firma e estável. Coloque o pé ferido à sua frente e segure ambas as muletas numa só mão. Use a outra mão para sentir atrás de si o assento da sua cadeira. Baixe-se lentamente para dentro da cadeira. Quando estiver sentado, incline as suas muletas num local próximo. Não se esqueça de as inclinar de cabeça para baixo, pois as muletas tendem a cair quando estão inclinadas nas pontas.

Para se levantar, incline-se para a frente da cadeira. Segure ambas as muletas na mão do seu lado ferido. Empurre-se para cima e levante-se na sua perna boa.

mulher com canadianas ou muletas

Escadas

Para subir e descer escadas com muletas, é preciso ser ao mesmo tempo forte e flexível. De frente para a escada, segure o corrimão com uma mão e coloque ambas as muletas sobre a axila do outro lado. Quando estiver a subir, conduza com o seu bom pé, mantendo o seu pé ferido levantado atrás de si. Quando estiver a descer, segure o pé ferido à frente, e salte para baixo em cada degrau do seu pé bom. Dê um passo de cada vez. Pode querer que alguém o ajude, pelo menos no início. Se encontrar uma escada sem corrimãos, use as muletas sob ambos os braços e salte para cima ou para baixo em cada degrau da sua perna boa, usando mais força.

Se se sentir instável, poderá ser mais fácil sentar-se em cada degrau e mover-se para cima ou para baixo no seu fundo. Comece por sentar-se no degrau mais baixo, com a perna lesionada à frente. Segure ambas as muletas contra as escadas com a sua mão oposta. Suba para o degrau seguinte, usando a mão livre e uma boa perna para apoio. Encare na mesma direção quando descer os degraus desta forma.

Bengalas

Uma bengala pode ser útil se tiver pequenos problemas de equilíbrio ou estabilidade, alguma fraqueza na perna ou no tronco, uma lesão ou uma dor. Se for idoso, a utilização de uma única bengala pode ajudá-lo a andar com mais conforto e segurança e, em alguns casos, pode facilitar-lhe a continuação da sua vida independente.

Posicionamento adequado

  • Ao levantar-se direito, a parte de cima da sua bengala deve chegar até ao vinco do seu pulso.
  • O seu cotovelo deve estar ligeiramente dobrado quando segura a sua bengala.
  • Segure a bengala na mão do lado oposto ao lado que necessita de apoio. Por exemplo, se a sua perna direita estiver ferida, segure a bengala com a sua mão esquerda.

homem idoso bengala descer escadas

Ao andar

Para começar, coloque a sua bengala cerca de um pequeno passo à sua frente e inicie o passo com a sua perna ferida. Termine o passo com a sua perna boa.

Escadas

Para subir escadas, coloque a sua bengala na mão em frente da perna ferida. Com a sua mão livre, agarre o corrimão. Suba primeiro a sua perna boa, depois suba a perna ferida. Para descer as escadas, colocar primeiro a bengala no degrau, depois a perna lesionada e, por fim, a perna boa, que carrega o seu peso corporal.

Andarilhos

Se tiver sido operado a um joelho total ou colocado uma prótese total da anca, ou até se tiver outro problema significativo, poderá necessitar de uma maior ajuda com o equilíbrio e a marcha do que usar muletas ou uma bengala. Um andarilho com quatro pernas dar-lhe-á maior estabilidade, sendo que este aparelho permite-lhe manter todo ou parte do seu peso fora da parte inferior do seu corpo à medida que dá passos. Com um andarilho, usa os braços para suportar parte do peso do seu corpo. À medida que a sua força e resistência melhoram, poderá gradualmente ser capaz de carregar mais peso nas suas pernas.

Posicionamento adequado

  • Ao levantar-se direito, o topo do seu andarilho deve alcançar o vinco do seu pulso.
  • Os cotovelos devem estar ligeiramente dobrados quando se segura as pegas do andarilho.
  • Mantenha as suas costas direitas. Não se curve sob o andarilho.
  • Verifique se as pontas de borracha nas pernas do seu andarilho estão em boa forma. Se se tornarem irregulares ou desgastadas, pode ter que comprar umas novas.

Ao andar

Primeiro, coloque o seu andarilho cerca de um passo à sua frente, certificando-se de que as quatro pernas do andarilho estão no mesmo chão. Com ambas as mãos, segure a parte superior do andarilho para apoio e mova a sua perna ferida para a zona do meio do andarilho. Não dê um passo até à frente. Empurre diretamente para baixo nas pegas do andarilho à medida a que levanta a perna boa, de modo a que fique ao mesmo nível da perna lesionada. Dê sempre pequenos passos quando se vira e mexa-se lentamente.

mulher idosa com andarilho ajudada por familiar

Ao sentar

  • Para se sentar, recue até que as suas pernas toquem na cadeira.
  • Use as mãos para sentir atrás de si o assento da cadeira.
  • Para se levantar, empurre-se para cima usando a força dos braços e agarre-se às pegas do andarilho. Não puxe nem incline o andarilho para o ajudar a levantar-se.
  • Escadas

Nunca suba escadas ou utilize uma escada rolante com o seu andarilho.

Através da loja online da Sensicare, pode encontrar no nosso catálogo vários modelos de muletas e canadianas, diversas bengalas, tripés e quadripés e andarilhos assim como também as respetivas borrachas para bengalas e canadianas.

Entre em contacto com os nossos serviços de apoio ao cliente caso tenha quaisquer dúvidas.

 

Deixe uma resposta

Sensicare